Antiga aluna lança música e vídeo

A nossa antiga aluna Vera van Eyken lançou a sua primeira música autoproduzida “L” e nós estamos muito orgulhosos dela e do seu caminho percorrido até agora.

Até realizar o Abitur em 2020, a Vera teve na EAL muitas oportunidades de se envolver com a música.

Desde o 7º ano fez parte da banda escolar e, mais tarde, também da AG de Tecnologia e Multimédia. Ambos os responsáveis da AG, Vítor Machado e David Hinrichs, são “ainda hoje mentores muito próximos e importantes” para a jovem música, salienta. Graças a eles, adquiriu conhecimentos fundamentais e ganhou experiência, que lhe permitiram iniciar o seu percurso.

Após o Abitur a Vera formou-se como produtora musical em Lisboa durante um ano, tendo a seguir se mudado para Barcelona, para estudar durante mais dois anos. Atualmente está a concluir a sua licenciatura em Produção Musical em Southampton.

A sua canção “L” foi gravada em Barcelona juntamente com um amigo também produtor. O videoclip no YouTube foi realizado por outro antigo aluno da EAL, Miguel Cravo.

O Miguel também fazia parte da AG de Tecnologia e Multimédia, quando andava na escola e, embora os dois não tenham estado na AG ao mesmo tempo, acabaram por se conhecer mais tarde. “Estou muito orgulhosa por o Miguel ter participado neste projeto”, diz Vera. Desejamos à Vera e ao Miguel a continuação de alegria e sucesso nos seus projetos artísticos!

 


Anúncio: Evento “Em Memória“

No dia 29 de fevereiro às 19h irá realizar-se o evento “Em Memória” no auditório da EAL.

Numa conversa entre o escritor Christoph Heubner e a historiadora Irene Pimentel serão analisadas histórias e tradições do tempo da Segunda Guerra Mundial. O diálogo histórico-literário será acompanhado e tematizado musicalmente pelo Trio to Remember.

A entrada é livre.

Envie a sua inscrição para: schulleitung@dslissabon.com


“Jugend musiziert” na EAL

No dia 17 de janeiro decorreu aqui na EAL a primeira ronda do famoso concurso “Jugend musiziert”. Houve grandes participações nas secções instrumentais e vocais, com muitos prémios e alguns encaminhamentos para a segunda fase, o concurso nacional, a ter lugar no Porto de 8 a 15 de março.

Os primeiros prémios com encaminhamentos foram atribuídos a Camille Ribeiro (guitarra), Sara Aguiar (flauta) e Jennah Last (voz pop).

A Sara Serpa e o João Antunes irão competir na nova categoria “JuMu Open” no Porto. Nesta categoria existe espaço para uma nova mistura ou uma nova unidade de improvisação, composição e interpretação, para novas perspetivas sobre o antigo, para uma mistura de estilos, géneros e origens e para o enriquecimento através de outras artes, como a palavra, a luz, a cena, o cinema ou a dança.

Parabéns a todos os participantes e boa sorte no Porto!


175 anos Escola Alemã de Lisboa: Alumni Ep. 6

Hoje partilhamos convosco a mensagem da antiga aluna Clara Riedenstein, que após o Abi na EAL, concluiu no ano passado o seu bacharelato na Universidade de Oxford com First Class Honours, tendo recebido uma distinção pelo seu excelente desempenho nos exames finais. Muitos parabéns, Clara!
E continuamos a desejar à Escola Alemã de Lisboa as maiores felicidades no seu 175º aniversário!

 


Na 13ª edição do Winterkino da biblioteca

Ambiente acolhedor, boa comida, bebidas, abraços e saudades: a 13ª edição do Winterkino da biblioteca começou como começa sempre, com a alegria do reencontro e da partilha.

O filme escolhido, “Gundermann”, foi apresentado pelos professores Ralf e Verena Erdt. Conta a história de um cantautor e mineiro da DDR, Gerhard Gundermann, um comunista convicto que critica o regime de forma aberta e sem papas na língua. Aliciado pelo levantamento das restrições de viagem da banda, “Gundi” acaba por tornar-se informador da Stasi, parte da gigantesca rede de informadores que permitia à polícia política da DDR espiar todos os seus cidadãos. Com a queda do muro e a abertura dos arquivos, Gundi é forçado a confrontar-se com o seu passado e com as consequências da sua atividade.

O filme não o julga, mas também não o absolve nem o redime – acompanha a sua trajetória como artista e como ser humano, como trabalhador, colega, filho, companheiro e pai, num sistema que permanentemente punha à prova os seus cidadãos e a sua consciência.

O professor Ralf Erdt contou por fim a sua própria ligação a Gundi Gundermann – de como ele era admirado pelas bandas juvenis da época que tocavam as suas canções, entre as quais a do próprio professor, e da enorme desilusão após a confissão pública do artista. Apenas com este filme, de 2018, voltou a ouvir estas canções que tinham marcado a sua juventude.

Talvez seja esta a maior conquista do filme. Gundi Gundermann é-nos apresentado em toda a sua humanidade, qualidades e defeitos, e é como seres humanos que vamos ao seu encontro. Como resumiu alguém na audiência, em jeito de pergunta, “quem somos nós para o julgar?”.

Muito obrigada à nossa anfitriã Marion Costa e a toda a equipa da Biblioteca, à equipa multimédia, aos professores Ralf e Verena Erdt, a todos os que aceitaram o nosso convite e também, mais uma vez, aos que contribuíram para um buffet apetitoso.

Se temos de nos confrontar com a nossa humanidade, é sempre melhor que o façamos de barriga cheia e com um copo de vinho na mão.


KULTURfest no Goethe Institut

Uma recomendação cultural para todos os interessados na cultura alemã mas, particularmente, para os nossos alunos e alunas: o festival KULTURfest, no Goethe-Institut, de 31.01 a 05.02.24!

Esta iniciativa junta cinema, literatura, língua, música e também atividades para toda a família, sempre com o foco na expressão alemã da Alemanha, Áustria, Suíça e Luxemburgo. Podem consultar o programa completo aqui (link).

Todos os eventos que se realizam no Goethe-Institut são gratuitos e não requerem bilhetes, excepto os programas para crianças e jovens, que têm um número limitado de participantes e requerem inscrição prévia (informações mais detalhadas na página de cada evento) e a Festa Babylon Berlin.


Antigo aluno Benjamim lança novo single “As Berlengas (Parte 1)”

Estamos muito orgulhosos do nosso Alumni do Abi04, o músico Benjamim, que acaba de lançar “As Berlengas (Parte 1)”, tema de avanço do seu próximo registo discográfico “As Berlengas” com edição marcada para dia 5 de abril.

Este instrumental, que abre o disco, navega entre rochedos, ilhéus e paisagens insulares, conduzidas pelo piano de Benjamim, que arranca sozinho e vai viajando através de ambientes sonoros eletrónicos. “As Berlengas” é uma ambiciosa obra multidisciplinar em 3 dimensões: disco, filme e espetáculo.

“Envolvida num limbo entre solidão e morte, a música d’As Berlengas procura a luz e redenção a partir de um espaço mental inventado, uma construção fantasiosa baseada em imagens do arquipélago que eu nunca tinha visitado – um exercício de escapismo que acaba por tomar proporções épicas no que toca a dimensão, formato e ambição.“, conta Benjamim.

Aqui na EAL esperamos ansiosamente pelos próximos dois singles, a ser lançados nas primeiras sextas-feiras de fevereiro e março, que nos conduzirão mar adentro nesta viagem no arquipélago pessoal de Benjamim com destino ao dia 5 de abril.

 

 


175 anos Escola Alemã de Lisboa: Alumni Ep. 5

 

O nosso ex-aluno Patrick Eberhard veio à escola para partilhar as suas memórias connosco.

Quem se lembra do tempo em que os alunos produziam os seus próprios jornais? Uma fotocopiadora, um marcador ou mesmo uma máquina de escrever e nascia um novo jornal. Patrick Eberhard recorda esse tempo.

Também nos conta outras histórias divertidas, como as aventuras na viagem de regresso a casa no autocarro da escola e no comboio, o cantinho dos fumadores e a programação do primeiro website da escola. Ouçam também!

 

Alumni EP. 5 - Story 1
PlayPlay
Alumni EP. 5 - Story 3
PlayPlay
Alumni EP. 5 - Story 3
PlayPlay
Alumni EP. 5 - Story 4
PlayPlay
previous arrow
next arrow
Alumni EP. 5 - Story 1
Alumni EP. 5 - Story 3
Alumni EP. 5 - Story 3
Alumni EP. 5 - Story 4
previous arrow
next arrow

Cinema de inverno no dia 17 de janeiro, às 19h00

Na quarta-feira, dia 17 de janeiro, às 19h00, retomamos o nosso cinema de inverno com um filme muito especial, apresentada por dois professores, Ralf e Verena Erdt: : “Gundermann“.

Toda a comunidade escolar está convidada, incluindo naturalmente os nossos alumni.

O filme, que recebeu o Prémio de Cinema Alemão em 2008, é uma biografia musical tocante passada na antiga DDR, sobre um condutor de escavadoras que é também cantor e escritor de canções.

Vai ser transmitido em língua original com legendas em Inglês.

O nosso filme começa por volta das 19h30. Antes do filme, a partir das 19:00, terão a oportunidade de conversar com antigos colegas de turma, ex-colegas e amigos com um copo de vinho e um snack.
Para que o nosso buffet seja tão variado como sempre, pedimos uma pequena contribuição.

Inscrição obrigatória por e-mail para bibliothek@dslissabon.com até ao dia 16.01.24


Feliz Natal

Cara comunidade escolar e amigos da EAL,

 

A Escola Alemã de Lisboa deseja-vos um feliz Natal e um ano novo cheio de paz, sucesso e alegria.

 


Auszeichnungen